Requisito Funcional e seus níveis de granularidade Objetivo

Todo software possui duas dimensões de requisitos: a funcional e a não funcional. Os requisitos funcionais abordam o que o software fará para os seus usuários, em termos de tarefas e serviços. A especificação do requisito funcional pode ocorrer em diferentes níveis de granularidade. Observar esta granularidade é uma importante referência para conseguir elaborar melhor o trabalho de requisitos.

A apresentação abordará os seguintes tópicos:

  • Definição e exemplos de requisitos funcionais
  • Os níveis de granularidade do requisito funcional
    • Objetivo agregador
    • Objetivo de usuário
    • Objetivo de sub-função
  • Quando cada nível de granularidade é mais adequado
  • Quais as vantagens de se observar o nível de granularidade para:
    • O trabalho de requisitos
    • A Análise de Pontos de Função

Data e Horário
Dia: 21/02/2017
Horário: 20h às 21h (horário de Brasília)
Duração: 1 hora; sendo 50 minutos de apresentação e os 10 minutos finais para os participantes interagirem com o palestrante com perguntas ao vivo.

Pré-requisitos: Não há.
Inscrição gratuita: https://goo.gl/mYHV6o

Palestrante

Guilherme Siqueira Simões, possui mais de 20 anos de experiência em desenvolvimento de sistemas. Graduado em Ciência da Computação e pós-graduado em Gestão Empresarial (UFES), certificado em pontos de função pelo IPFUG (CFPS) e pelo COSMIC (CC-FL), gerente de projetos (PMP) pelo PMI e engenheiro de requisitos (CPRE-FL) pelo IREB. Coautor do livro “Análise de Pontos de Função: medição, estimativas e gerenciamento de projetos de software”.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>